Contato

Entre em contato conosco!
Tire suas dúvidas ou envie sugestões
Clique aqui!

Notícias / Geral

Diretoria do SINDIFISCO-MT participa de debate sobre a reforma tributária no 18º Conafisco

Publicado por Pau e Prosa Comunicação em 04/10/2019 às 13:34

Diretoria do SINDIFISCO-MT participa de debate sobre a reforma tributária no 18º Conafisco
Os impactos das reformas tributária e previdenciária e sua importância para a economia brasileira foram alguns dos temas discutidos durante a 18ª edição do Congresso Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Conafisco). Representantes do SINDIFISCO-MT estiveram no evento, que contou ainda com a eleição da nova Diretoria Executiva e Conselho Fiscal da Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Fenafisco), para o triênio 2020-2022.

O presidente da Federação, Charles Alcântara, destacou na abertura do Congresso que o maior desafio do sindicalismo do setor público é a reinvenção do país. Ele ressaltou que a categoria deve priorizar os interesses de toda a sociedade e não somente demandas próprias e específicas.

“Nós, enquanto servidores públicos, temos a responsabilidade de debater as reformas em curso, sobretudo a tributária, para juntos apresentarmos uma proposta de aprimoramento do sistema tributário nacional que promova justiça fiscal e um Brasil melhor para todos”, disse.

Já no primeiro painel da programação do Congresso, a reforma tributária foi o assunto principal, com discussões sobre seus impactos, modelos internacionais e a simplificação do atual sistema tributário. Sobre isso, o presidente do SINDIFISCO-MT, João José de Barros, defende a simplificação do sistema tributário com a redução da regressividade. 

“São muitas as consequências da reforma tributária na economia do país. Pela sua importância, é fundamental que todas as categorias envolvidas participem de discussões para que o melhor caminho seja definido”, acrescentou.

O assunto foi tema do painel no dia seguinte com a participação do diretor do Instituto de Justiça Fiscal, Dão Real dos Santos, que reforçou a necessidade de enfrentar a injustiça tributária e a desigualdade de renda. “Não há como ter extrema riqueza, sem extrema pobreza. A redução das desigualdades depende da reversão da regressividade”.

Para o Conafisco, o SINDIFISCO-MT teve direito a quatro delegados que participaram das pautas deliberativas. Além de João José de Barros, também foram ao evento o vice-presidente Flávio Emílio Auerswald, o Diretor Financeiro José Roberto Miorim, e o Diretor para Assuntos Parlamentares, Ricardo Bertolini. Também participaram os congressistas o Diretor Administrativo, Jota Martins, o Diretor de Divulgação, Nilton Esaki, o Diretor de Relações Institucionais, Francisco Irisvan Oliveira, e os Fiscais de Tributos (FTE) Alberto da Silva, Benedito Curvo, Deny Oliveira Lima e Leandro Milagres.

Eleição – Como parte da programação do Conafisco, foi eleita a nova Diretoria Executiva e Conselho Fiscal da Fenafisco, para o triênio 2020-2022. Os servidores são da chapa “FENAFISCO – Pelo Fisco, pelo Brasil”, presidida por Charles Alcântara, do Pará e que tem como Diretor para Assuntos Parlamentares e Relações Institucionais, Ricardo Bertolini, do SINDIFISCO-MT.

“Por sermos um sindicato pequeno, ter conseguido eleger o Ricardo é um reconhecimento ao trabalho e atuação de Mato Grosso perante a Federação. É uma vitória importante e que nos coloca mais próximos das pautas nacionais”, finalizou João José de Barros.

Fonte: Pau e Prosa Comunicação

Receba em seu e-mail todas as informações atualizadas!

 

Contato

Entre em contato conosco!
Tire suas dúvidas ou envie sugestões
Clique aqui!

(65) 3624-2605
Afismat Fenafisco
Sitevip Internet